Marcon Logística Portuária

Porto de Paranaguá se prepara para atender demanda crescente do mercado de líquidos

Em 2022, o Porto de Paranaguá recebeu 84 navios de líquidos a mais que em 2021 – 627 e 543, respectivamente. O aumento na atracação das embarcações que atendem o segmento foi de 15%. O crescimento na movimentação deste tipo de carga nos portos do Paraná foi a mais significativa e por isso há um planejamento para atender essa demanda progressiva.

Nos 12 meses do ano passado foram 8.719.731 toneladas de granéis líquidos carregados e descarregados pelo Porto de Paranaguá. O volume é 10% maior que o alcançado em 2021, com 7.948.839 toneladas.

O diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, destaca que, apesar do segmento representar apenas 15% da movimentação geral dos portos do Paraná, o crescimento entre as cargas líquidas foi o mais expressivo.

“A alta da demanda do setor dos granéis líquidos tem sido gradativa e estamos nos preparando para atender essa necessidade futura do mercado”, disse.

Como destaca o executivo, uma área com cerca de 85 mil metros quadrados, voltada para os granéis líquidos no Porto de Paranaguá, vai a leilão na B3, a bolsa de valores do Brasil, no próximo dia 24 de fevereiro.

“A PAR50 prevê investimentos da ordem de R$ 338 milhões para ampliar ainda mais a movimentação e armazenagem dos líquidos no Paraná”, afirma Garcia.

De 2019 a 2022, o aumento registrado no volume de líquidos movimentados pelo Porto de Paranaguá é de 26%. Em 2019, foram 2,6 milhões de toneladas desses granéis. Em 2020, 7,6 milhões.

SEGMENTO – No Porto de Paranaguá são quatro berços dedicados aos navios de líquidos – dois no píer público e outros dois no terminal de uso privativo da empresa Cattalini. Pelo píer público, em 2022, houve 288 atracações (11% a mais que as 260 registradas em 2021). Na Cattalini, 339 atracações (20% superior que em 2021, com 283).

PRODUTOS – Entre os granéis líquidos, as importações se destacam pelo volume. No ano passado, a chegada de líquidos pelo Porto de Paranaguá somou cerca de 5,1 milhões de toneladas.

Entre as exportações, o que chama a atenção é o percentual de aumento. Em 2022, cerca de 2 milhões de toneladas de líquidos foram exportadas pelo porto paranaense. Em relação às 1,5 milhão de toneladas de 2021, a alta atingiu 31%.

Os principais líquidos movimentados por Paranaguá são o óleo diesel na importação – 2,6 milhões de toneladas, o que representa quase 46% do total de líquidos importados pelo Brasil – e o óleo de soja na exportação, quase 1,5 milhão de toneladas, 65% do total de líquidos exportados pelo País.

De óleo diesel importado, o volume em 2022 é praticamente o mesmo que o registrado no ano anterior. Já o óleo de soja apresentou alta de 27% em relação a 2021, com 1,1 milhão de toneladas exportadas do produto.

OPERADORES – Operam granéis líquidos no Porto de Paranaguá as empresas Alcopar, Cattalini, CBL, CPA, Fospar, União Vopak, Petrobras e Navemestra (essa última, atua com Bunker, produto para abastecimento das embarcações).

 

Confira os gráficos:
Confira os gráficos:
Fonte: Portos do Paraná
}

01.19.2023

Em Destaque

Relacionados

Meganavio faz única escala no Porto de Paranaguá

O Porto de Paranaguá recebeu nesta quarta-feira (07) o meganavio MSC Elisa XIII, do armador Mediterranean Shipping Company (MSC) que fez uma escala única no Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP). Além do comprimento do MSC Elisa XIII ser 12 vezes maior que o...

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

fev 22 2024

Paraná é o terceiro estado que mais exporta carne de peru, aponta boletim do Deral

As exportações nacionais de carne de peru alcançaram 69.644 toneladas em 2023 e geraram receita de aproximadamente US$ 200,568 milhões. O Paraná é o...
fev 21 2024

Comércio Brasil-China inicia 2024 com fortes altas nas exportações e importações

O comércio entre o Brasil e a China teve um início de ano marcado pelo expressivo aumento de 53,7% nas exportações brasileiras, que somaram US$...
fev 20 2024

Brasil e Egito fortalecem relações comerciais para exportação de carnes com facilitações

Com a confirmação da missão do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, ao Egito nesta semana, o Ministério da Agricultura e Pecuária do...
fev 19 2024

Importação cresce ao maior patamar em 20 anos e indústria corre ao governo por proteção comercial

As importações alcançaram participação inédita no mercado da indústria em, pelo menos, 20 anos e provocaram uma corrida das empresas ao governo por...
fev 16 2024

Com alta da soja, Paraná registra maior volume de exportações para janeiro da história

Com US$ 1,82 bilhão em receitas obtidas com vendas para o mercado internacional em janeiro, o Paraná registrou em 2024 o maio volume de exportações...
fev 15 2024

Conab: colheita de grãos da safra 23/24 será menor do que o estimado

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) estima que a colheita de grãos na safra 2023/2024 será 6% inferior ao volume colhido no período...
fev 14 2024

Portos do Paraná ultrapassa 65 milhões de toneladas movimentadas em 2023

A Portos do Paraná bateu um novo recorde de movimentação no ano de 2023, ultrapassando a marca de 65 milhões de toneladas. O anúncio do recorde...
fev 13 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 6,527 bilhões em janeiro

Beneficiada pela queda nas importações de combustíveis, compostos químicos e pela safra recorde de soja e de café, a balança comercial – diferença...
fev 12 2024

Meganavio faz única escala no Porto de Paranaguá

O Porto de Paranaguá recebeu nesta quarta-feira (07) o meganavio MSC Elisa XIII, do armador Mediterranean Shipping Company (MSC) que fez uma escala...
fev 09 2024

Empresas apoiadas pela ApexBrasil exportaram US$ 140,7 bilhões em 2023

O ano de 2023 foi de recordes históricos para o comércio exterior brasileiro e para a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes