Marcon Logística Portuária

Porto de Paranaguá chega aos 85 anos como uma referência no setor

O Porto de Paranaguá chega aos 85 anos, comemorados nesta terça-feira, 17 de março, como o mais eficiente do Brasil. É líder na exportação de óleo vegetal e frango congelado, tem a maior capacidade de movimentação de contêineres do país, ocupa o primeiro lugar em importação de fertilizantes. É o segundo porto brasileiro na exportação de soja, farelo, açúcar, papel, carnes, álcool e veículos. Além disso, é também referência em desempenho ambiental.

“O Paraná não seria este estado moderno, com vocação agrícola e potencial econômico, se não tivéssemos a força do Porto de Paranaguá”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior. “Estamos trabalhando para transformar o Paraná em um hub logístico da América do Sul, com o novo Anel de Integração, mais ferrovias e conexões aéreas. E o Porto de Paranaguá terá um papel decisivo nessa cadeia. É a porta de entrada de insumos que vêm de fora e a porta de saída de toda a transformação industrial e do agronegócio”, destaca o governador.

Para ele, o futuro deve ser de muito trabalho. “O mercado global manteve a confiança nos terminais paranaenses e no nosso agronegócio, mesmo com cenário internacional instável. Nossos indicadores cresceram em 2019, na indústria, comércio, geração de emprego e exportações, e queremos avançar mais”, disse.

O ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, considera Paranaguá essencial para o desenvolvimento do Brasil. “O porto tem apresentado resultados expressivos, com mais de 53 milhões de toneladas movimentadas no ano passado. É um porto que vem quebrando recordes, atraindo investimentos. Esse ano não será diferente. Paranaguá já está preparado para uma superssafra, com investimentos importantes para embarque de celulose e veículos. Vai receber melhorias de acesso rodoviário e ferroviário e tem vocação para ser, como já é, um dos maiores portos do país”.

CAMPANHA – Para comemorar a data, a empresa pública Portos do Paraná lança uma campanha que mostra a importância da atividade portuária para o país. Os materiais, produzidos em conjunto com a Secretaria de Estado de Comunicação Social e da Cultura, serão divulgados em vídeos, spots de rádio, sites, jornais e revistas. Além disso, uma campanha interna agradece aos funcionários e trabalhadores que fazem parte da história.

“A mensagem é de agradecimento para quem ajudou a construir essa evolução. O Estado do Paraná deve muito do desenvolvimento, industrialização, geração de emprego e renda, ao porto de Paranaguá”, reforça o secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex.

INDUTOR – De acordo com o presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia Silva, o desafio é manter o porto de Paranaguá como indutor de desenvolvimento regional. “Queremos gerar valor, não só na movimentação de cargas, mas na vida das pessoas que são, direta ou indiretamente, impactadas pela atividade portuária”, revela.

“Como empresa pública, nossos valores são voltados para um Estado que está em constante movimento, sem deixar de pensar nas pessoas e no mundo que queremos deixar para as gerações futuras”, completa ele.

Fonte: Portos do Paraná

}

03.25.2020

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

jun 17 2024

Portos do Paraná estreita ligação com dirigentes e investidores espanhóis

Empresa pública participou de intercâmbio no país europeu que contou com jornadas empresariais e visitas a instalações portuárias em Madri, Valência...
jun 14 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 8,534 bi em maio

A queda de preços da soja e do minério de ferro fez o superávit da balança comercial cair em maio. No mês passado, o país exportou US$ 8,534 bilhões...
jun 13 2024

Argentina suspende antidumping sobre exportações brasileiras de talheres de aço inoxidável com cabo de madeira ou plástico

O governo do Brasil recebeu com satisfação a decisão do governo da República Argentina de suspender a medida antidumping aplicada às exportações...
jun 12 2024

Volume de soja exportada cai 13,6% em maio, e envios de carne bovina sobem 26%

O Brasil exportou 13,450 milhões de toneladas de soja em grão em maio, 13,69% a menos do que os 15,584 milhões de toneladas de igual período de...
jun 11 2024

Brasil faz acordo com China que pode aumentar exportação de café

O vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin, assinou nesta quarta-feira (5)...
jun 10 2024

Brasil usa presidência do G20 para propor mudanças nas regras do comércio agrícola entre países

Nas discussões do G20, o grupo que reúne as maiores economias do mundo, o Brasil tem proposto ajustes no equilíbrio entre a expansão do comércio...
jun 07 2024

Mapa encerra maio com recorde histórico de aberturas de mercados para o mês

O mês de maio deste ano se encerra como o melhor maio da série histórica em termos de novos acordos comerciais no mercado mundial para produtos do...
jun 06 2024

Exportações do Brasil para os EUA superam os 12 bilhões de dólares no ano

O governo realizou, nesta semana, um seminário para marcar os “200 anos de amizade Brasil-Estados Unidos”. No encontro, a secretária de Comércio...
jun 05 2024

Com evolução de 34%, Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão em 2024

As condições climáticas têm refletido nas produções agrícolas de praticamente todo o País, e no Paraná também reduziram o potencial. Mesmo assim, em...
jun 04 2024

BNDES reduz de novo juros de linha especial para exportações brasileiras

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) promoveu nova redução de juros no BNDES Exim Pré-Embarque, linha de crédito que...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes