Marcon Logística Portuária

Exportações do agronegócio crescem 32% e sustentam superávit recorde da balança comercial

A balança comercial brasileira fechou o ano passado com superávit recorde. Ao todo, a diferença entre exportações e importações ficou na casa dos US$ 62,310 bilhões. Para o estabelecimento do novo patamar, um único setor foi protagonista: o agronegócio.

A importância do agro para o equilíbrio da balança comercial do país foi destacada na edição desta semana do boletim ‘AgroExport’. Diretor de conteúdo do Canal Rural e apresentador do quadro, Giovani Ferreira destacou que, diferentemente de outras áreas, o setor não sofre com déficit — quando as importações superam as exportações.

Em 2022, por exemplo, o agronegócio exportou o equivalente a US$ 159 bilhões. Valor que representa quase a metade de toda a receita cambial brasileira do período, que foi de US$ 335 bilhões. Juntos, todos os outros setores que movimentam o comércio exterior do país foram responsáveis em US$ 176 bilhões, conforme dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC).

Dessa forma, em valores, as exportações do agronegócio brasileiro cresceram mais de 30% de um ano para o outro. Isso porque, o segmento foi responsável por gerar receita cambial com embarques para o exterior na casa dos US$ 120 bilhões em 2021.

Na parte de importações, o agro evidencia a sua importância para a balança comercial brasileira fechar o ano passado com superávit recorde. Isso porque o setor foi responsável por importar apenas US$ 17 bilhões. Os outros segmentos, contudo, somaram US$ 273 bilhões em importações no decorrer de 2022.

Agronegócio sustenta superávit da balança comercial

Em resumo, o agronegócio teve — sozinho — superávit de US$ 142 bilhões de janeiro a dezembro do ano passado. Os demais setores, em contrapartida, fecharam 2022 com déficit comercial de US$ -80 bilhões. Ou seja: o Brasil não teria superávit na balança comercial de 2022 — ainda mais na casa dos bilhões de dólares — se não fosse o agro.

“Nós ‘pagamos’ o saldo negativo e ainda assim garantimos ao país um saldo acima de US$ 62 bilhões, puxados, principalmente, pelo agronegócio”, observou Giovani Ferreira ao participar da edição desta terça-feira (31) do telejornal ‘Mercado & Companhia’.

 

Fonte Canal Rural

}

02.08.2023

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

maio 17 2024

Lula quer desdolarização proposta pela China, mas comércio exterior do Brasil é dominado pelo dólar

O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está engajado nas tratativas do Brics (bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul)...
maio 16 2024

Governo Federal publica medida que autoriza importação de arroz

Para o enfrentamento das consequências sociais e econômicas decorrentes das enchentes no estado do Rio Grande do Sul, o Governo Federal publicou...
maio 15 2024

Com US$ 7,47 bilhões, Paraná bate recorde de exportações para um 1º quadrimestre

As exportações do Paraná no primeiro quadrimestre de 2024 bateram recorde para o período, somando US$ 7,47 bilhões. Melhor resultado da série...
maio 14 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 9,041 bilhões em abril

Apesar da queda de preços da soja, do ferro e do petróleo, o superávit da balança comercial subiu em abril. No mês passado, o país exportou US$...
maio 13 2024

ANTAQ visita os portos de Paranaguá e Antonina

A Portos do Paraná recebeu a visita da comitiva da Agência Nacional de Transporte Aquaviários (ANTAQ), nesta terça-feira (07). Os diretores, Alber...
maio 10 2024

Brasil foi 2º principal destino de investimento estrangeiro em 2023, diz OCDE

Relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) recém-divulgado revela que o Brasil foi o segundo principal destino de...
maio 09 2024

Política Nacional da Cultura Exportadora ganha adesão do Memp

O Ministério do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte (Memp) aderiu nesta sexta-feira (3/5) à Política Nacional da Cultura...
maio 08 2024

A cada quatro dias, um novo mercado foi aberto para o agro neste ano

Os primeiros quatro meses de 2024 são os mais produtivos da história para o agronegócio brasileiro em termos de abertura de mercados internacionais....
maio 07 2024

Navio muda de nome e de tripulação após atracar no Porto de Paranaguá

O navio porta-contêineres Paris II, mudará de nome e tripulação após atracar no Porto de Paranaguá nesta terça-feira (30). A mudança acontece após a...
maio 06 2024

“Impulso das Exportações” destaca a força do comércio exterior no primeiro trimestre

Segunda edição da nova publicação da ApexBrasil destaca exportações e saldo recorde no primeiro trimestre do ano e as oportunidades para produtos...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes