Marcon Logística Portuária

Empresas apoiadas pela ApexBrasil exportaram US$ 140,7 bilhões em 2023

O ano de 2023 foi de recordes históricos para o comércio exterior brasileiro e para a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil). No ano passado, o Brasil vendeu US$ 339,7 bilhões para o exterior, registrando um saldo positivo de US$ 98,8 bilhões – valor 60% maior que o saldo alcançado em 2022.

Em 2023, a ApexBrasil bateu seu próprio recorde, com 17.061 empresas apoiadas. O aumento foi de 18% em relação a 2022 e reflete o êxito da nova gestão, que vem implementando uma série de programas e ações dedicados à capacitação e à inclusão de novas empresas no ranking de exportadoras brasileiras.

“Os recordes nas exportações e no saldo são fruto do esforço do setor produtivo e da dedicação do governo federal, em especial do presidente Lula, em abrir mercados, melhorar as relações com parceiros e incentivar uma cultura exportadora. A ApexBrasil desempenha um papel fundamental nesse processo, qualificando as empresas para o mercado internacional e promovendo os produtos brasileiros em todo o mundo”, comenta o presidente da ApexBrasil, Jorge Viana.

Entre os resultados positivos alcançados em 2023, cabe ressaltar o montante exportado pelas 4.181 empresas apoiadas pela Agência. No ano passado, foram vendidos mais de US$ 140,7 bilhões para o exterior, o que representa US$ 1,1 bilhão a mais que o exportado por essas mesmas empresas em 2022. O valor corresponde a 41% do total exportado pelo Brasil em 2023.

Além disso, das mais de 17 mil empresas apoiadas pela ApexBrasil em 2023, 43% delas são de micro e pequeno porte. O número chega a 48% se incluir atendimento a pessoas físicas. “Isso demonstra o esforço da Agência em difundir uma cultura exportadora nos mais variados setores produtivos do país, gerando impacto social e econômico”, afirma a diretora de Negócios da Agência, Ana Paula Repezza.

Ainda desse total, 2.588 empresas foram atendidas pela Gerência de Indústria e Serviços, enquanto 983 receberam apoio da Gerência de Agronegócio da Agência. Elas exportaram US$ 30 bilhões e US$ 89,3 bilhões, respectivamente. O valor é recorde também para o agro, setor estratégico para a ApexBrasil.

De acordo com o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), o Brasil atingiu, em 2023, o recorde de 78 aberturas de novos mercados de agronegócio em 39 países.

“A ApexBrasil vem contribuindo fortemente para a promoção do setor com estudos de inteligência de mercado, programas de qualificação e ações que colocam o produtor em contato direto com compradores internacionais, bem como com a execução de projetos setoriais de promoção de exportações que contemplam ações específicas para cada segmento do setor”, afirma o gerente de Agronegócio da ApexBrasil, Laudemir Muller.

Também no ano passado, as Regiões Norte e Nordeste tiveram protagonismo como nunca na história da ApexBrasil, com programas e ações voltados à valorização das respectivas regiões e à diminuição da disparidade entre as demais localidades do país em suas contribuições para o comércio exterior. Em 2023, foram 965 empresas do Norte atendidas pela ApexBrasil – 9% a mais do que no ano anterior- e, das quais, 262 passaram a exportar. Já do Nordeste, foram 2.279 empresas atendidas – 54 a mais do que em 2022, das quais 714 exportaram.

Relações comerciais

Entre as grandes missões engajadas pela Agência em 2023 para estimular a exportação e os investimentos no Brasil, destacam-se ainda os esforços para reatar as relações comerciais com o mundo. Missões empresariais e presidenciais, fóruns econômicos e encontros com Setores de Promoção Comercial (SECOMs) promovidos pela ApexBrasil marcaram os primeiros passos rumo a essa reaproximação do Brasil com mercados importantes.

“Estamos restaurando a credibilidade do País e mostrando ao mundo a potência de nossa presença no comércio exterior”, diz Jorge Viana, que esteve ao lado do presidente Lula em visitas à África, Alemanha, Qatar e Arábia Saudita, além de ter marcado presença nas Américas Central, do Sul e no Caribe. Os encontros mostram o início de uma jornada de reaproximação com mercados prioritários e que, segundo Viana, está apenas começando.

 

Fonte: Comex do Brasil / ApexBrasil

}

02.09.2024

Em Destaque

Relacionados

Agronegócio exporta US$ 15,20 bi em junho e US$ 82,39 bi no semestre

As vendas externas brasileiras de produtos do agronegócio foram de US$ 15, 20 bilhões em junho de 2024 , um aumento do valor das exportações comparado ao mês de maio/2024 , que atingiu 15,02 bilhões. As exportações brasileiras de grãos subiram de 14,96 milhões de...

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

jul 23 2024

Operações de Sucesso: Marcon Logística Portuária em Destaque

No último final de semana, a Marcon Logística Portuária mostrou mais uma vez sua eficiência e capacidade ao conduzir operações em dois navios RORO...
jul 23 2024

Agronegócio exporta US$ 15,20 bi em junho e US$ 82,39 bi no semestre

As vendas externas brasileiras de produtos do agronegócio foram de US$ 15, 20 bilhões em junho de 2024 , um aumento do valor das exportações...
jul 22 2024

Portos do Paraná registram recorde histórico de movimentação mensal

Os portos paranaenses alcançaram uma nova marca histórica de movimentação. Ao todo, 6.582.670 de toneladas foram movimentadas em junho deste ano,...
jul 19 2024

Abertura do mercado cubano para exportação de quatro produtos do agronegócio brasileiro

O governo brasileiro recebeu com satisfação o anúncio, pelo governo de Cuba, da autorização para que o Brasil exporte os seguintes produtos para...
jul 18 2024

Camex mantém elevação de tarifas de importação de resíduos sólidos

Em 18% desde julho do ano passado, as tarifas de importação para resíduos de papel, plástico e vidro permanecerão nesse nível por mais um ano,...
jul 17 2024

Carteira de exportação do BNDES aprova volume 135% maior de créditos em 2024

O valor das aprovações de crédito para a linha BNDES EXIM Pré-Embarque, que financia as exportações de empresas nacionais, cresceu 135% no primeiro...
jul 16 2024

Exportações do Paraná para Ásia, África e Oriente Médio batem recorde no 1º semestre

O Paraná obteve no 1º semestre de 2024 o seu melhor desempenho nas vendas para os mercados do Oriente Médio, África e Sudeste Asiático , com maior...
jul 15 2024

Mercosul e Emirados Árabes Unidos iniciam negociações de um acordo de livre comércio

Representantes dos países membros do Mercosul e dos Emirados Árabes Unidos se reuniram em Assunção, entre os dias 2 e 4 de julho, e formalizaram  o...
jul 12 2024

Receita Federal aprimora Programa OEA-Integrado para facilitar operações internacionais

A Receita Federal do Brasil (RFB) publicou a Portaria RFB nº 435, de 2 de julho de 2024, que estabelece novas regras para a participação de órgãos e...
jul 11 2024

Brasil e Palestina firmam acordo de livre comércio no âmbito do Mercosul

Em 3 de julho de 2024, o Brasil depositou sua carta de ratificação ao Acordo de Livre Comércio entre o Mercosul e o Estado da Palestina. A carta foi...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes