Marcon Logística Portuária

Como empresas paranaenses têm sido impulsionadas para o mercado externo

Troca de experiência, conhecimento e possibilidade de acordos. A negociação com empreendimentos de outros países pode ser um desafio, mas uma oportunidade de ouro para empresas que buscam expandir negócios e aprimorar ideias. Empresas paranaenses têm estreitado laços comerciais com outros países, por meio de encontros promovidos pela Federação do Comércio do Estado do Paraná (Fecomércio-PR), por meio da Divisão de Relações Internacionais.

Nos 75 anos de atuação da Fecomércio-PR, o grupo de relações internacionais acumula experiência nos últimos 17 anos auxiliando empreendimentos dos mais variados segmentos a expandirem a atuação para fora do Brasil e conseguirem parcerias de produtos internacionais.

Com 37 anos de trabalho e referência em gerenciamento eletrônico de documentos, software de gestão de recursos humanos e terceirização de serviços, a Digidata é uma das empresas que tem alavancado os negócios e importado conhecimento de outros países.

A empresa, desde sua fundação, faz parte da Fecomércio-PR. O dono do empreendimento paranaense, Luiz Sérgio Wosniak, conta que, desde 2003, a federação buscou formas para que empresas pudessem conversar com outros países, propiciando viagens, rodas de conversas e eventos.

“Na minha área [de tecnologia], tivemos oportunidade de conversar com vários países”, afirma Wosniak. Recentemente, ele foi a Taiwan para buscar possíveis negócios, junto com uma dezena de empresários. “Fomos ver sobre tecnologia de iluminação pública. Alguns empresários começaram a ter contato com pessoas de lá”, relata.

E a não para por aí. O empresário destaca a diversidade dos negócios e conversas com outros países. A empresa de Wosniak tem relação com países como França, Polônia, Espanha, Argentina e Coreia do Sul. Muitos laços comerciais foram propiciados por encontros da Divisão de Relações Internacionais. “Quando se aproximamos dessas comunidades de cada segmento, mesmo que não consiga qualquer negócio, se ganha conhecimento. Quando se faz uma viagem, vemos automações de outros países, podendo ser replicado no Brasil”.

Como atua no ramo da tecnologia, Wosniak trouxe um software da Espanha para a Digidata. Além disso, tem buscado soluções tecnológicas com a Coreia do Sul e estreitado o diálogo na área de segurança tecnológica com Israel. “Sou uma pessoa que não fecha nenhuma porta”, frisa o proprietário da empresa. “A Fecomercio sempre colaborou para unir esses grupos internacionais. O approach foi via Fecomércio. Nos eventos têm muitos contatos”, acrescenta.

 

Fonte: Gazeta do Povo

}

08.22.2023

Em Destaque

Relacionados

O futuro da reforma tributária nas importações e exportações

A tão comentada reforma tributária tem como principal premissa simplificar a cobrança de impostos no Brasil. A proposta está prestes a entrar em sua primeira fase e terá sua implementação conduzida de forma gradual, mas já vem ganhando diversas abordagens sobre seus...

Brasil fecha novas vendas para Austrália e Costa Rica

O Ministério da Agricultura e Pecuária informou que o governo da Austrália aprovou a importação de pescados do Brasil, enquanto o governo da Costa Rica aprovou o ingresso de produtos à base de células-tronco mesenquimais (cães, gatos e equinos) com fins terapêuticos....

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

mar 01 2024

Stand da Portos do Paraná na 28ª edição da Intermodal South America terá alta tecnologia

A Portos do Paraná, empresa pública que administra os portos de Paranaguá e Antonina, oferecerá uma ampla estrutura para os visitantes da 28ª edição...
fev 29 2024

O futuro da reforma tributária nas importações e exportações

A tão comentada reforma tributária tem como principal premissa simplificar a cobrança de impostos no Brasil. A proposta está prestes a entrar em sua...
fev 28 2024

Brasil fecha novas vendas para Austrália e Costa Rica

O Ministério da Agricultura e Pecuária informou que o governo da Austrália aprovou a importação de pescados do Brasil, enquanto o governo da Costa...
fev 27 2024

Colheita atípica em janeiro no Paraná levou a aumento de 282% nas exportações de soja

A acelerada colheita de soja em janeiro deste ano, o que não é comum para o período, levou a um aumento expressivo no volume de produtos do complexo...
fev 26 2024

ESG e sustentabilidade são os focos da Portos do Paraná na 28ª Intermodal

A busca por uma agenda sustentável também inclui ações no próprio stand do evento Entre os dias 05 e 07 de março, a Portos do Paraná irá participar...
fev 23 2024

Balança comercial tem saldo positivo de US$ 1,996 bi até a segunda semana de fevereiro

Na 2ª semana de fevereiro de 2024, a balança comercial registrou superávit de US$ 1,78 bilhão e corrente de comércio de US$ 10,915 bilhões,...
fev 22 2024

Paraná é o terceiro estado que mais exporta carne de peru, aponta boletim do Deral

As exportações nacionais de carne de peru alcançaram 69.644 toneladas em 2023 e geraram receita de aproximadamente US$ 200,568 milhões. O Paraná é o...
fev 21 2024

Comércio Brasil-China inicia 2024 com fortes altas nas exportações e importações

O comércio entre o Brasil e a China teve um início de ano marcado pelo expressivo aumento de 53,7% nas exportações brasileiras, que somaram US$...
fev 20 2024

Brasil e Egito fortalecem relações comerciais para exportação de carnes com facilitações

Com a confirmação da missão do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, ao Egito nesta semana, o Ministério da Agricultura e Pecuária do...
fev 19 2024

Importação cresce ao maior patamar em 20 anos e indústria corre ao governo por proteção comercial

As importações alcançaram participação inédita no mercado da indústria em, pelo menos, 20 anos e provocaram uma corrida das empresas ao governo por...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes