Marcon Logística Portuária

Após visita, empresários do Egito devem intensificar movimentação de fertilizantes pelo Paraná

Com objetivo foi estreitar os laços para aumentar a movimentação dos adubos pelos portos paranaenses, uma comitiva de exportadores de fertilizantes egípcios, representantes da maior produtora de rocha fosfática do país, visitou nesta sexta-feira (27) a Portos do Paraná. O grupo foi recebido pelas equipes das diretorias de Operações e de Desenvolvimento Empresarial.

“O Egito é um importante exportador de fertilizantes para o Brasil e importador de grãos”, disse o diretor de Operações da Portos do Paraná, Luiz Teixeira da Silva Junior. Segundo ele, o estreitamento dos laços é muito interessante para criar ainda mais solidez nessa relação. “Ainda mais quando esses usuários vêm conhecer a eficiência das nossas operações”.

Silva Junior ainda acrescenta que o Porto de Paranaguá tem grande expertise na descarga dos granéis sólidos de importação. “Temos operadores muito qualificados e infraestrutura marítima e terrestre, de primeira, além de oferecermos custos bastante competitivos”, disse.

Os portos paranaenses são as principais portas de entrada para os fertilizantes importados pelo Brasil: cerca de 27,5% de tudo o que chega de adubo do Exterior.

ROTEIRO – O grupo chegou a Paranaguá por volta das 10h e foi recepcionado no edifício Dom Pedro II, sede operacional da Portos do Paraná. Depois de uma breve apresentação, visitou o cais comercial, principalmente os berços dedicados à descarga dos fertilizantes.

“As visitas empresariais, tanto de comitivas brasileiras quanto dos outros países, são sempre bem-vindas”, afirma o gerente de Desenvolvimento Empresarial, Luciano Rosina. Segundo ele, é uma oportunidade para o porto mostrar a qualidade dos serviços prestados, impulsionando novos negócios e prospectando cada vez mais novos clientes e usuários.

COMITIVA – No total, 11 pessoas, incluindo Giancarlo Rocco, diretor de Relações Internacionais e Institucionais na Invest Paraná, integravam a comitiva.

Dois brasileiros do grupo representam a Ourogran Fertilizantes, empresa com sede em Curitiba. Os outros oito pertencem à empresa egípcia Misr Phosphate, com sede no Cairo, maior produtora de rocha fosfática do Egito. Entre eles, o vice-presidente da companhia, Tarek Emam Salama Mohamed Ahmed.

Segundo Claudemir Vulczak, da Ourogran Fertilizantes, a empresa egípcia opera com sucesso pelos Portos do Paraná. “Em outubro, trouxemos 11 mil toneladas de fertilizantes. E temos um navio em rota, com mais 29 mil toneladas, que vai descarregar em Antonina”, afirma. A meta é chegar a descarregar cerca de 200 mil toneladas em 2023.

COMÉRCIO BILATERAL – O Egito é o 9º país de origem em volume de importações nos portos de Paranaguá e Antonina. Em 2022, do país, foram cerca de 500 mil toneladas de cargas, principalmente fertilizantes fosfatados.

Além de importante exportador de fertilizantes, o país também é relevante como importador de produtos brasileiros. É o 8º destino das exportações que saem pelo Porto de Paranaguá. Em 2022, para o país, foi embarcado quase 1 milhão de toneladas de carga. Entre elas, principalmente, milho, açúcar, carne (frango) e celulose.

 

Fonte: Portos do Paraná

}

02.03.2023

Em Destaque

Relacionados

O futuro da reforma tributária nas importações e exportações

A tão comentada reforma tributária tem como principal premissa simplificar a cobrança de impostos no Brasil. A proposta está prestes a entrar em sua primeira fase e terá sua implementação conduzida de forma gradual, mas já vem ganhando diversas abordagens sobre seus...

Brasil fecha novas vendas para Austrália e Costa Rica

O Ministério da Agricultura e Pecuária informou que o governo da Austrália aprovou a importação de pescados do Brasil, enquanto o governo da Costa Rica aprovou o ingresso de produtos à base de células-tronco mesenquimais (cães, gatos e equinos) com fins terapêuticos....

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

mar 01 2024

Stand da Portos do Paraná na 28ª edição da Intermodal South America terá alta tecnologia

A Portos do Paraná, empresa pública que administra os portos de Paranaguá e Antonina, oferecerá uma ampla estrutura para os visitantes da 28ª edição...
fev 29 2024

O futuro da reforma tributária nas importações e exportações

A tão comentada reforma tributária tem como principal premissa simplificar a cobrança de impostos no Brasil. A proposta está prestes a entrar em sua...
fev 28 2024

Brasil fecha novas vendas para Austrália e Costa Rica

O Ministério da Agricultura e Pecuária informou que o governo da Austrália aprovou a importação de pescados do Brasil, enquanto o governo da Costa...
fev 27 2024

Colheita atípica em janeiro no Paraná levou a aumento de 282% nas exportações de soja

A acelerada colheita de soja em janeiro deste ano, o que não é comum para o período, levou a um aumento expressivo no volume de produtos do complexo...
fev 26 2024

ESG e sustentabilidade são os focos da Portos do Paraná na 28ª Intermodal

A busca por uma agenda sustentável também inclui ações no próprio stand do evento Entre os dias 05 e 07 de março, a Portos do Paraná irá participar...
fev 23 2024

Balança comercial tem saldo positivo de US$ 1,996 bi até a segunda semana de fevereiro

Na 2ª semana de fevereiro de 2024, a balança comercial registrou superávit de US$ 1,78 bilhão e corrente de comércio de US$ 10,915 bilhões,...
fev 22 2024

Paraná é o terceiro estado que mais exporta carne de peru, aponta boletim do Deral

As exportações nacionais de carne de peru alcançaram 69.644 toneladas em 2023 e geraram receita de aproximadamente US$ 200,568 milhões. O Paraná é o...
fev 21 2024

Comércio Brasil-China inicia 2024 com fortes altas nas exportações e importações

O comércio entre o Brasil e a China teve um início de ano marcado pelo expressivo aumento de 53,7% nas exportações brasileiras, que somaram US$...
fev 20 2024

Brasil e Egito fortalecem relações comerciais para exportação de carnes com facilitações

Com a confirmação da missão do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, ao Egito nesta semana, o Ministério da Agricultura e Pecuária do...
fev 19 2024

Importação cresce ao maior patamar em 20 anos e indústria corre ao governo por proteção comercial

As importações alcançaram participação inédita no mercado da indústria em, pelo menos, 20 anos e provocaram uma corrida das empresas ao governo por...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes