A empresa pública Portos do Paraná publicou nesta quinta-feira (3) o edital do leilão de área para movimentação de veículos, no Porto de Paranaguá. A PAR12 fica no lado leste do cais, tem 74 mil metros quadrados e pátio com capacidade para 4 mil vagas.

Destinado à movimentação de carga do tipo Ro-Ro (Roll on/ Roll off), o arrendamento é no modelo sem estrutura física (greenfield). O critério de licitação será o maior valor de outorga e a estimativa de custos de investimento (Capex) é de R$ 22,2 milhões.

EDITAIS – O edital e os anexos estão disponíveis nos sites: www.portosdoparana.pr.gov.brwww.infraestrutura.gov.br e www.antaq.gov.br. Os documentos também são encontrados na sede administrativa do Porto de Paranaguá, na Avenida Ayrton Senna da Silva, 161, bairro Dom Pedro II.

SESSÃO PÚBLICA – A sessão pública do leilão será realizada na Bolsa de Valores de São Paulo, pela B3, no dia 18 de dezembro. A autoridade portuária paranaense é a primeira do Brasil a leiloar um terminal em seu porto. A empresa pública Portos do Paraná recebeu autonomia para administrar os contratos de exploração de áreas, em agosto de 2019.

“O convênio de delegação de competência 001/2019 foi formalizado depois de um extenso processo de análise, em que o Estado demonstrou ter estrutura e competência para realizar estes processos”, explica o presidente da empresa pública, Luiz Fernando Garcia. “Foi um passo importante, que nos garante autonomia na gestão e permite que a exploração das instalações portuárias seja feita de maneira descentralizada”, afirma.

VEÍCULOS – O arrendamento tem prazo de 25 anos, podendo ser prorrogado, a critério do poder concedente e dos termos do edital. A demanda prevista, neste período, é crescente e pode chegar a 448.716 veículos, no ano de 2045.

Os cenários e projeção de demanda fazem parte do Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental (EVTEA), feito pela Empresa de Planejamento e Logística S.A, vinculada ao Ministério da Infraestrutura.