Marcon Logística Portuária

Porto de Paranaguá prepara Pátio de Triagem para receber a safra 2020

A colheita da safra da soja 2020 já começou – a previsão é que seja recorde. A empresa Portos do Paraná se prepara para receber os caminhoneiros que transportam o grão. O Pátio de Triagem do Porto de Paranaguá terá o pavimento recuperado. O investimento é de R$ 1,9 milhão. Outras melhorias são constantes para garantir agilidade aos deslocamentos, além de segurança e comodidade aos motoristas.

A área recebe uma nova camada de concreto, feito especialmente para ser mais resistente e durável. O trabalho segue o que foi executado no ano passado para melhorar o trânsito dos veículos pesados e a eficiência da operação. Em 2019, 14,7 milhões de toneladas de carga chegaram no porto via caminhões – o equivalente a 67% do total de graneis movimentados no ano.

“O Pátio de Triagem é indispensável para ordenar o tráfego de caminhões que chegam a Paranaguá para descarregar no corredor de exportação. Em alguns meses do ano chega a receber 2 mil caminhões por dia. Manter o pátio em boas condições garante mais eficiência nos deslocamentos e segurança aos motoristas”, explica o diretor de Operações Portuárias, Luiz Teixeira Júnior.

MANUTENÇÃO – Os reparos e melhorias no pátio são constantes. A Portos do Paraná tem um contrato sob demanda, ou seja, que é acionado sempre que necessário. “Há a previsão de troca das placas de concreto ou asfalto danificados por novas placas de concreto, onde a vida útil programada gira em torno de 20 a 30 anos, desde que seja realizada corretamente a manutenção preventiva”, destaca o engenheiro e chefe da Seção de Conservação Civil, Marcell Güther Villatore.

Ele explica que a empresa contratada para o serviço faz a quebra e a retirada do piso danificado, compacta a base, aplica uma camada fina de concreto magro, instala as barras de transição, coloca lona plástica, monta a tela metálica/armadura e, por último, ocorre a concretagem final do pavimento.

A selagem das juntas das placas, assim como a cura do concreto, demora sete dias e somente depois deste período o trânsito é liberado na área em obras.

A precaução tem sido grande para que a durabilidade das placas seja a maior possível, com manutenção adequada, que incluiu a impermeabilização entre as placas a cada seis meses. “O piso é de concreto armado, resistente e preparado para aguentar os caminhões”, disse o fiscal do contrato e chefe da Seção de Contêineres, Marcelo Rissi. O ritmo das obras só depende das condições climáticas.

Fonte: Portos do Paraná

}

03.18.2020

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

mar 01 2024

Stand da Portos do Paraná na 28ª edição da Intermodal South America terá alta tecnologia

A Portos do Paraná, empresa pública que administra os portos de Paranaguá e Antonina, oferecerá uma ampla estrutura para os visitantes da 28ª edição...
fev 29 2024

O futuro da reforma tributária nas importações e exportações

A tão comentada reforma tributária tem como principal premissa simplificar a cobrança de impostos no Brasil. A proposta está prestes a entrar em sua...
fev 28 2024

Brasil fecha novas vendas para Austrália e Costa Rica

O Ministério da Agricultura e Pecuária informou que o governo da Austrália aprovou a importação de pescados do Brasil, enquanto o governo da Costa...
fev 27 2024

Colheita atípica em janeiro no Paraná levou a aumento de 282% nas exportações de soja

A acelerada colheita de soja em janeiro deste ano, o que não é comum para o período, levou a um aumento expressivo no volume de produtos do complexo...
fev 26 2024

ESG e sustentabilidade são os focos da Portos do Paraná na 28ª Intermodal

A busca por uma agenda sustentável também inclui ações no próprio stand do evento Entre os dias 05 e 07 de março, a Portos do Paraná irá participar...
fev 23 2024

Balança comercial tem saldo positivo de US$ 1,996 bi até a segunda semana de fevereiro

Na 2ª semana de fevereiro de 2024, a balança comercial registrou superávit de US$ 1,78 bilhão e corrente de comércio de US$ 10,915 bilhões,...
fev 22 2024

Paraná é o terceiro estado que mais exporta carne de peru, aponta boletim do Deral

As exportações nacionais de carne de peru alcançaram 69.644 toneladas em 2023 e geraram receita de aproximadamente US$ 200,568 milhões. O Paraná é o...
fev 21 2024

Comércio Brasil-China inicia 2024 com fortes altas nas exportações e importações

O comércio entre o Brasil e a China teve um início de ano marcado pelo expressivo aumento de 53,7% nas exportações brasileiras, que somaram US$...
fev 20 2024

Brasil e Egito fortalecem relações comerciais para exportação de carnes com facilitações

Com a confirmação da missão do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, ao Egito nesta semana, o Ministério da Agricultura e Pecuária do...
fev 19 2024

Importação cresce ao maior patamar em 20 anos e indústria corre ao governo por proteção comercial

As importações alcançaram participação inédita no mercado da indústria em, pelo menos, 20 anos e provocaram uma corrida das empresas ao governo por...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes