Marcon Logística Portuária

Importação supera exportação, e Brasil tem déficit em janeiro pelo 4º ano seguido na balança comercial

O Ministério da Economia informou nesta terça-feira (1º) que a balança comercial registrou déficit de US$ 176 milhões em janeiro deste ano.

O resultado é de déficit quanto as importações superam as importações. Quando acontece o contrário, isto é, as exportações superam as importações, o resultado é de superávit.

Ao todo, segundo o governo:

  • as importações somaram US$ 19,849 bilhões;
  • as exportações somaram US$ 19,673 bilhões.

De acordo com os dados do governo, o déficit registrado em janeiro deste ano representa o quarto ano seguido com resultado negativo da balança para meses de janeiro.

“Janeiro costuma ter saldos menores. Vimos um déficit em janeiro do ano passado, e um déficit agora nesse ano, mas eu não diria que é um comportamento recorrente”, afirmou o subsecretário de Inteligência e Estatísticas de Comércio Exterior do Minstério da Economia, Herlon Brandão.

Apesar de negativo, o resultado representa melhora na comparação com janeiro do ano passado, quando o déficit comercial somou US$ 219,93 milhões.

Este também foi melhor saldo comercial para esse mês desde 2018, quando foi registrado um superávit (exportações maiores que compras do exterior) de US$ 1,655 bilhão.

Exportações e importações

De acordo com o Ministério da Economia, as exportações, pela média diária, registraram alta de 25,3% em janeiro na comparação com o mesmo período do ano passado. Já as compras do exterior avançaram 24,6% nesta comparação.

Segundo o Ministério da Economia, as vendas externas bateram recorde para meses de janeiro e as importações foram as maiores, para o primeiro mês de um ano, desde 2014.

No caso das exportações, houve aumento de 97,5% nas vendas da agropecuária, recuo de 18,76% da indústria extrativa e aumento de 36,1% da indústria de transformação.

Entre os principais destinos das exportações, estão:

  • Estados Unidos (+51,8%, para US$ 2,27 bilhões);
  • União Europeia (+46%, para US$ 2,82 bilhões);
  • China, Hong Kong e Macau (-3,8%, para US$ 4,33 bilhões);
  • Argentina (+18,3%, para US$ 940 milhões).

As importações, por sua vez, tiveram queda no setor agropecuário (-15,7%), aumento de 325,8% nas aquisições da indústria extrativa e crescimento de 14,9% nas compras do exterior da indústria de transformação em janeiro.

Ano de 2021 e previsões para 2022

Em 2021, a balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 61 bilhões. O valor ficou 21,1% superior ao saldo de 2020, quando, na média diária, houve superávit de US$ 50,4 bilhões (valor revisado).

 

Fonte: G1

}

02.09.2022

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

maio 21 2024

Sem impacto do RS, Conab reduz projeção para safra de grãos 2023/24

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) reduziu novamente a estimativa para a produção brasileira total de grãos na safra de 2023/2024, que...
maio 20 2024

Balança comercial brasileira registra superávit de US$ 3,2 bi nas primeiras semanas de maio

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 3,205 bilhões nas duas primeiras semanas de maio, período com sete dias úteis. O valor...
maio 17 2024

Lula quer desdolarização proposta pela China, mas comércio exterior do Brasil é dominado pelo dólar

O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está engajado nas tratativas do Brics (bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul)...
maio 16 2024

Governo Federal publica medida que autoriza importação de arroz

Para o enfrentamento das consequências sociais e econômicas decorrentes das enchentes no estado do Rio Grande do Sul, o Governo Federal publicou...
maio 15 2024

Com US$ 7,47 bilhões, Paraná bate recorde de exportações para um 1º quadrimestre

As exportações do Paraná no primeiro quadrimestre de 2024 bateram recorde para o período, somando US$ 7,47 bilhões. Melhor resultado da série...
maio 14 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 9,041 bilhões em abril

Apesar da queda de preços da soja, do ferro e do petróleo, o superávit da balança comercial subiu em abril. No mês passado, o país exportou US$...
maio 13 2024

ANTAQ visita os portos de Paranaguá e Antonina

A Portos do Paraná recebeu a visita da comitiva da Agência Nacional de Transporte Aquaviários (ANTAQ), nesta terça-feira (07). Os diretores, Alber...
maio 10 2024

Brasil foi 2º principal destino de investimento estrangeiro em 2023, diz OCDE

Relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) recém-divulgado revela que o Brasil foi o segundo principal destino de...
maio 09 2024

Política Nacional da Cultura Exportadora ganha adesão do Memp

O Ministério do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte (Memp) aderiu nesta sexta-feira (3/5) à Política Nacional da Cultura...
maio 08 2024

A cada quatro dias, um novo mercado foi aberto para o agro neste ano

Os primeiros quatro meses de 2024 são os mais produtivos da história para o agronegócio brasileiro em termos de abertura de mercados internacionais....

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes