Marcon Logística Portuária

Evolução constante da Portos do Paraná é destaque em seminário sobre direito portuário

A evolução na movimentação de cargas nos portos paranaenses e as recentes inovações realizadas na Portos do Paraná foram destaque na abertura do 3º Seminário de Direito Portuário do Trabalho, realizado em Curitiba, nesta quinta-feira (25). O evento, que acontece até sexta-feira (26), discute a gestão dos portos brasileiros e as relações das empresas e operadores com os trabalhadores portuários.

Em 2023, os portos paranaenses superaram pela primeira vez a marca de 60 milhões de toneladas movimentadas ao longo de um ano. De acordo com o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, os resultados foram conquistados por meio de uma relação harmoniosa entre a empresa pública, os operadores portuários e os trabalhadores, com destaque no diálogo entre os entes envolvidos.

“Fizemos uma movimentação histórica, mas respeitando todas as condições trabalhistas. Aqui no Paraná, nós construímos uma relação muito próxima com os sindicatos, o que tem atraído a atenção dos outros portos do Brasil”, afirmou.

A evolução dos processos e das relações entre os agentes da Portos do Paraná tem sido reconhecida sistematicamente ao longo dos últimos anos. Os portos paranaenses foram eleitos pelo Ministério de Portos e Aeroportos, pela quarta vez seguida, pela melhor gestão do Brasil e, por três anos consecutivos, o primeiro colocado na categoria Conformidade Regulatória pela Agência Nacional de Transporte Aquaviário (Antaq).

“Isso demonstra para o Brasil todo que o Paraná tem sua expertise e que vem desenvolvendo ações importantes em prol das relações de trabalho e da logística, como um todo”, disse Garcia.

A diretora-executiva do Órgão Gestor de Mão de Obra do Trabalho Portuário do Paraná (OGMO/PR), Shana Bertol, pontuou que o crescimento do porto, tanto em movimentação, quanto em investimentos, favorece um amadurecimento na discussão jurídica das relações de trabalho na área. “Com o porto crescendo e se desenvolvendo, todos ganham e a gente consegue construir um ambiente com maior segurança jurídica”, afirmou.

De acordo com a diretora do OGMO/PR, os portos paranaenses registraram em 2023 redução de 13% nos níveis de acidentes de trabalho, além de ter batido o recorde de dias seguidos sem ocorrências de acidentes, com 60 dias sem inconformidades.

SEMINÁRIO – As relações dos trabalhadores portuários com operadores são regidas por uma legislação própria. O objetivo do seminário é discutir as competências do OGMO na gestão da mão de obra portuária, tratar do direito ao adicional de risco pelos trabalhadores dos portos e abordar as discussões sobre os vínculos de exclusividade e prioridade nas contratações.

“Esse universo do trabalho portuário é muito diferenciado. Nem regido pela CLT ele é. Por isso é muito importante que nós tenhamos uma atenção muito grande a estes trabalhadores, fomentando discussões, levantando problemas e apontando soluções”, afirmou o ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Guilherme Augusto Caputo Bastos.

Outro representantes da Portos do Paraná que participou do evento foi o diretor de operações, Gabriel Vieira. O seminário também reuniu representantes de administrações portuárias de todo o Brasil, do Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região, do Ministério Público do Trabalho, do Sindicato dos Trabalhadores Portuários, do Sindicato dos Operadores Portuários, da Federação dos Operadores Portuários e da prefeitura de Paranaguá, entre outros.

 

Fonte: Portos do Paraná

}

01.30.2024

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

jun 18 2024

Paraná exporta US$ 9,52 bilhões nos cinco primeiros meses de 2024

As exportações paranaenses somaram US$ 9,52 bilhões (R$ 51 bilhões na cotação atual) entre janeiro a maio de 2024, consolidando o Estado como o...
jun 17 2024

Portos do Paraná estreita ligação com dirigentes e investidores espanhóis

Empresa pública participou de intercâmbio no país europeu que contou com jornadas empresariais e visitas a instalações portuárias em Madri, Valência...
jun 14 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 8,534 bi em maio

A queda de preços da soja e do minério de ferro fez o superávit da balança comercial cair em maio. No mês passado, o país exportou US$ 8,534 bilhões...
jun 13 2024

Argentina suspende antidumping sobre exportações brasileiras de talheres de aço inoxidável com cabo de madeira ou plástico

O governo do Brasil recebeu com satisfação a decisão do governo da República Argentina de suspender a medida antidumping aplicada às exportações...
jun 12 2024

Volume de soja exportada cai 13,6% em maio, e envios de carne bovina sobem 26%

O Brasil exportou 13,450 milhões de toneladas de soja em grão em maio, 13,69% a menos do que os 15,584 milhões de toneladas de igual período de...
jun 11 2024

Brasil faz acordo com China que pode aumentar exportação de café

O vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin, assinou nesta quarta-feira (5)...
jun 10 2024

Brasil usa presidência do G20 para propor mudanças nas regras do comércio agrícola entre países

Nas discussões do G20, o grupo que reúne as maiores economias do mundo, o Brasil tem proposto ajustes no equilíbrio entre a expansão do comércio...
jun 07 2024

Mapa encerra maio com recorde histórico de aberturas de mercados para o mês

O mês de maio deste ano se encerra como o melhor maio da série histórica em termos de novos acordos comerciais no mercado mundial para produtos do...
jun 06 2024

Exportações do Brasil para os EUA superam os 12 bilhões de dólares no ano

O governo realizou, nesta semana, um seminário para marcar os “200 anos de amizade Brasil-Estados Unidos”. No encontro, a secretária de Comércio...
jun 05 2024

Com evolução de 34%, Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão em 2024

As condições climáticas têm refletido nas produções agrícolas de praticamente todo o País, e no Paraná também reduziram o potencial. Mesmo assim, em...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes