Marcon Logística Portuária

Drawback: benefício para importação chega para micro e pequenas empresas brasileiras

Uma nova portaria publicada no Diário Oficial da União na última terça-feira (13/09), permite que micro e pequenas empresas possam usufruir dos benefícios do Drawback, um regime aduaneiro especial que possibilita a suspensão ou eliminação de tributos no processo de importação de insumos para a indústria nacional.

Na prática, a nova medida permitirá com que as empresas possam diminuir os seus custos de produção, tornando-as mais competitivas no mercado, é isso o que aponta Fábio Pizzamiglio, diretor da Efficienza, empresa especializada no comércio exterior e detentora de 4% do market share de Drawback e isenção no Brasil.

“Antigamente as empresas optantes pelo Simples Nacional não poderiam utilizar nenhum tipo de benefício fiscal, como é o caso do Drawback. Com a nova normativa,  nós temos uma ampliação desse benefício. Na prática, isso diminui muito os custos de produção e as empresas podem ter um produto final mais barato, algo que beneficia toda a nossa cadeia produtiva”, afirma o executivo.

Agora, as empresas com receita bruta anual de até R$ 4,8 milhões, poderão utilizar os benefícios. A medida passa a vigorar no dia 01 de outubro e o impacto pode ser imenso, pois com a isenção, podemos ter impacto em outros aspectos econômicos, como a própria inflação.

“A diminuição dos custos de importação é a eliminação de uma barreira gigantesca para micro e  pequenas empresas que buscam se desenvolver no território nacional, isso impactará de forma positiva a nossa balança comercial e representa mais lucratividade para esses empresários”, completa.

Essa não é a primeira mudança no regime este ano, com a mais recente sendo realizada em agosto, onde foi diminuída consideravelmente a burocracia do processo de obtenção do regime especial. Com a nova regra, os beneficiados não necessitarão mais apresentar cópia de contratos de industrialização de embarcações para obter o regime de drawback. Além disso, a medida também reduziu as exigências relacionadas à comprovação das exportações indiretas realizadas por empresas comerciais exportadoras, como você pode ler mais no site do Governo Federal.

“Acredito que as mudanças que estamos vendo no Drawback este ano visam, de fato, englobar mais empresários no benefício. Deste modo, tenho a convicção que é o melhor momento para iniciar o processo de importação, principalmente quando o objetivo da produção é a importação futura”, explica Pizzamiglio.

O executivo também esclarece que com as novas regras estabelecidas, podemos ver uma demanda cada vez maior para a modalidade já no final de 2022. Algo que será facilitado pelas novas mudanças. Porém, Pizzamiglio alerta que ainda precisamos avançar em problemas com o comércio exterior do Brasil, como é o caso das greves dos Auditores da Receita Federal. Algo que tem afastado muitos empresários do comércio exterior no último ano.

 

Fonte: Jornal Tribuna

}

09.21.2022

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

jun 18 2024

Paraná exporta US$ 9,52 bilhões nos cinco primeiros meses de 2024

As exportações paranaenses somaram US$ 9,52 bilhões (R$ 51 bilhões na cotação atual) entre janeiro a maio de 2024, consolidando o Estado como o...
jun 17 2024

Portos do Paraná estreita ligação com dirigentes e investidores espanhóis

Empresa pública participou de intercâmbio no país europeu que contou com jornadas empresariais e visitas a instalações portuárias em Madri, Valência...
jun 14 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 8,534 bi em maio

A queda de preços da soja e do minério de ferro fez o superávit da balança comercial cair em maio. No mês passado, o país exportou US$ 8,534 bilhões...
jun 13 2024

Argentina suspende antidumping sobre exportações brasileiras de talheres de aço inoxidável com cabo de madeira ou plástico

O governo do Brasil recebeu com satisfação a decisão do governo da República Argentina de suspender a medida antidumping aplicada às exportações...
jun 12 2024

Volume de soja exportada cai 13,6% em maio, e envios de carne bovina sobem 26%

O Brasil exportou 13,450 milhões de toneladas de soja em grão em maio, 13,69% a menos do que os 15,584 milhões de toneladas de igual período de...
jun 11 2024

Brasil faz acordo com China que pode aumentar exportação de café

O vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin, assinou nesta quarta-feira (5)...
jun 10 2024

Brasil usa presidência do G20 para propor mudanças nas regras do comércio agrícola entre países

Nas discussões do G20, o grupo que reúne as maiores economias do mundo, o Brasil tem proposto ajustes no equilíbrio entre a expansão do comércio...
jun 07 2024

Mapa encerra maio com recorde histórico de aberturas de mercados para o mês

O mês de maio deste ano se encerra como o melhor maio da série histórica em termos de novos acordos comerciais no mercado mundial para produtos do...
jun 06 2024

Exportações do Brasil para os EUA superam os 12 bilhões de dólares no ano

O governo realizou, nesta semana, um seminário para marcar os “200 anos de amizade Brasil-Estados Unidos”. No encontro, a secretária de Comércio...
jun 05 2024

Com evolução de 34%, Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão em 2024

As condições climáticas têm refletido nas produções agrícolas de praticamente todo o País, e no Paraná também reduziram o potencial. Mesmo assim, em...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes