Marcon Logística Portuária

De petróleo a carnes, o que fez o Brasil ter exportações recordes de commodities em 2023

O Brasil registrou exportações recordes em 2023 para várias commodities, como petróleo, soja, milho, farelo de soja, açúcar, carne bovina e de frango, em meio a produções recordes e firme demanda externa, segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) divulgados nesta sexta-feira.

Os números de dezembro também ressaltaram uma exportação mensal recorde de minério de ferro do país, com 39,65 milhões de toneladas, alta de 24% ante o mesmo mês do ano anterior, enquanto no ano os embarques desta commodity tiveram o maior volume em cinco anos.

As exportações de commodities deram impulso importante para o resultado recorde do superávit comercial brasileiro em 2023, com quase 100 bilhões de dólares.

Em 2023, as exportações de soja, principal produto de exportação do Brasil, confirmaram recorde, somando de 101,9 milhões de toneladas, alta de 29,4%, com receitas de 53,2 bilhões de dólares (+14,4).

Já os embarques de petróleo brasileiro em 2023 totalizaram um recorde de 81,8 milhões de toneladas, em linha com o avanço da produção do Brasil no pré-sal, com crescimento de 19,1%. O faturamento com as vendas externas do produto somou 42,5 bilhões de dólares, praticamente estável ante 2022.

Em 2023, os embarques de minério de ferro do Brasil alcançaram 378,5 milhões de toneladas, alta anual de 10% e o maior patamar desde as 389,8 milhões de toneladas registradas em 2018, antes do desastre com uma barragem da Vale em Brumadinho (MG), em 2019, o que impactou a produção da mineradora.

No ano passado, o Brasil exportou 31,4 milhões de toneladas de açúcar, um novo recorde com alta de 15% ante 2022, apagando máxima histórica registrada em 2020.

As exportações de milho confirmaram um recorde anual de 55,9 milhões de toneladas, com alta de 29,4%, enquanto os embarques de carnes bovina e de aves, notadamente frango, tiveram máximas histórias em volumes também em 2023.

No caso da carne bovina, o setor superou 2 milhões de toneladas pela primeira vez em um ano, ainda que o faturamento tenha ficado 19,6% abaixo do ano passado. Nas aves, os embarques somaram cerca de 4,8 milhões de toneladas, com alta de 8,4%.

No farelo de soja, a exportação atingiu 23,3 milhões de toneladas, avanço anual de 11%.

DEZEMBRO

Os embarques de minério de ferro registrados no mês passado apagaram a melhor marca anterior do país para este produto, vista em dezembro de 2015, segundo a série histórica da Secex, iniciada em 1997.

Mineradoras como a Vale podem ter aproveitado os preços mais altos da commodity, que atingiram em dezembro os preços mais altos desde abril de 2022 na bolsa de referência de Cingapura. No início deste ano, o produto vem sendo cotado próximo de 140 dólares a tonelada no mercado asiático.

Somente em dezembro, as exportações de minério de ferro do Brasil somaram 3,5 bilhões de dólares, alta de quase 70% na comparação anual, enquanto no ano atingiram 30,5 bilhões de dólares, alta de 5,5%.

Segundo dados da Secex, o preço médio do minério exportado pelo Brasil no mês passado ficou em 88,5 dólares por tonelada (base FOB), alta de 36,6% na comparação com dezembro de 2022.

A faturamento com as vendas de minério de ferro ficaram praticamente no mesmo patamar dos embarques de petróleo, outro destaque da balança comercial em dezembro, com 3,5 bilhões de dólares, ainda que tenha recuado cerca de 1 bilhão de dólares na comparação anual devido a menores volumes e preços.

Já as exportações de soja ficaram em quase 2 bilhões de dólares em dezembro, patamar abaixo dos picos mensais, já que os volumes exportados caem no final do ano com a menor oferta de produto, antes da entrada da nova safra.

Ainda assim, após a colheita de uma safra recorde em 2023, o Brasil foi capaz de dobrar os embarques de soja em dezembro, com resultados semelhantes em receitas.

Outro resultado forte mensal foi o do açúcar, cuja exportação atingiu o maior volume do ano em dezembro, com embarques de 3,85 milhões de toneladas, alta anual de 75%, à medida que o país tem escoado uma produção recorde.

A marca registrada em dezembro para o açúcar também configura-se como a mais alta para o produto desde outubro de 2020 (3,95 milhões de toneladas), segundo dados da Secex.

No café verde, o Brasil o desempenho anual ficou aquém de anos anteriores. Mas o país embarcou 243,56 mil toneladas em dezembro, o equivalente a mais de 4 milhões de sacas de 60 kg, total próximo do resultado de outubro, quando foi visto o maior patamar de exportações dessa commodity em quase três anos.

Veja outros números das exportações de commodities do Brasil em dezembro (em milhões de toneladas):

 

Fonte: Info Money

}

01.09.2024

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

fev 22 2024

Paraná é o terceiro estado que mais exporta carne de peru, aponta boletim do Deral

As exportações nacionais de carne de peru alcançaram 69.644 toneladas em 2023 e geraram receita de aproximadamente US$ 200,568 milhões. O Paraná é o...
fev 21 2024

Comércio Brasil-China inicia 2024 com fortes altas nas exportações e importações

O comércio entre o Brasil e a China teve um início de ano marcado pelo expressivo aumento de 53,7% nas exportações brasileiras, que somaram US$...
fev 20 2024

Brasil e Egito fortalecem relações comerciais para exportação de carnes com facilitações

Com a confirmação da missão do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, ao Egito nesta semana, o Ministério da Agricultura e Pecuária do...
fev 19 2024

Importação cresce ao maior patamar em 20 anos e indústria corre ao governo por proteção comercial

As importações alcançaram participação inédita no mercado da indústria em, pelo menos, 20 anos e provocaram uma corrida das empresas ao governo por...
fev 16 2024

Com alta da soja, Paraná registra maior volume de exportações para janeiro da história

Com US$ 1,82 bilhão em receitas obtidas com vendas para o mercado internacional em janeiro, o Paraná registrou em 2024 o maio volume de exportações...
fev 15 2024

Conab: colheita de grãos da safra 23/24 será menor do que o estimado

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) estima que a colheita de grãos na safra 2023/2024 será 6% inferior ao volume colhido no período...
fev 14 2024

Portos do Paraná ultrapassa 65 milhões de toneladas movimentadas em 2023

A Portos do Paraná bateu um novo recorde de movimentação no ano de 2023, ultrapassando a marca de 65 milhões de toneladas. O anúncio do recorde...
fev 13 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 6,527 bilhões em janeiro

Beneficiada pela queda nas importações de combustíveis, compostos químicos e pela safra recorde de soja e de café, a balança comercial – diferença...
fev 12 2024

Meganavio faz única escala no Porto de Paranaguá

O Porto de Paranaguá recebeu nesta quarta-feira (07) o meganavio MSC Elisa XIII, do armador Mediterranean Shipping Company (MSC) que fez uma escala...
fev 09 2024

Empresas apoiadas pela ApexBrasil exportaram US$ 140,7 bilhões em 2023

O ano de 2023 foi de recordes históricos para o comércio exterior brasileiro e para a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes