Marcon Logística Portuária

Com 54 milhões de toneladas movimentadas, portos do Paraná registram alta de 2% no ano

Com alta em todos os segmentos, os portos paranaenses registraram movimentação acumulada de 54.014.368 toneladas. O volume é 2% maior que nos 11 meses do ano passado, com 53.028.869 toneladas.

Com alta em todos os segmentos de carga, os portos do Paraná fecharam novembro com uma movimentação acumulada de 54.014.368 toneladas em 2022. O volume é 2% maior que o registrado nos 11 meses do ano passado, com 53.028.869 toneladas.

O número, alcançado mesmo com as chuvas frequentes do último mês, anima o setor. “Nossa expectativa é superar o recorde do ano passado, que foi de 57,5 milhões de toneladas. Paranaguá tem produtividade acima da média, graças aos esforços constantes dos nossos trabalhadores, operadores, terminais portuários e aos investimentos do Estado e também privados”, explica o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia.

De acordo com ele, a meta é melhorar cada vez mais a estrutura oferecida. “Há grandes investimentos para elevar ainda mais a eficiência dos terminais paranaenses, já reconhecida nacional e internacionalmente”, complementa.

Os granéis sólidos correspondem a mais da metade da movimentação (61,6%) – foram 33.308.239 toneladas de janeiro a novembro deste ano e 33.186.345 no mesmo período de 2021 (0,36%). Nos produtos de carga geral a alta foi de 1%, comparando as 12.777.691 toneladas operadas neste ano às 12.593.871 toneladas registradas no ano passado.

Entre os líquidos, o crescimento foi maior: 9%. Até o último dia 30 de novembro, a movimentação de cargas carregadas e descarregadas totalizou 7.928.439 toneladas de produtos. Em 2021, foram 7.248.654 toneladas.

Para exportação, a alta chegou a 8%, com 33.302.202 toneladas carregadas, frente às 30.782.899 toneladas de 2021. No sentido contrário, porém, houve queda. As importações caíram 7% e passaram de 22.245.970 toneladas para 20.712.166 toneladas nos últimos 11 meses.

Por produto, entre as exportações, destacam-se as altas registradas no milho, farelo, açúcar, celulose e óleo vegetal embarcados pelos portos paranaenses.

O aumento nos embarques de milho, neste ano, chegou a 533%, com as 4.522.065 toneladas carregadas pelos portos do Paraná. Em 2021, de janeiro a novembro, foram 714.464 toneladas exportadas do produto.

De farelo de soja, o carregamento totalizou 5.218.316 toneladas neste ano, 15% superior que as 4.543.885 toneladas de 2021. O comércio de açúcar registrou aumento de 1%. Somando o produto embarcado a granel e em saca, foram 4.560.553 toneladas em 2022 e 4.522.180 toneladas em 2021.

As exportações de óleo de soja subiram 38% no período – de 1.064.801 toneladas para 1.470.461 toneladas. De celulose, foram 678.230 toneladas embarcadas no ano passado e 749.558 toneladas neste ano, aumento de 11%.

CONTÊINERES – No caso dos contêineres, a alta registrada foi de 6% no geral, 7% no sentido exportação (de 573.206 TEUs para 610.973 TEUs) e 5% nas importações (de 436.440 TEUs para 459.110 TEUs). A movimentação do segmento chegou a 1.070.083 TEUs (unidade específica equivalente a um contêiner de 20 pés). Em 2021, no período, foram 1.009.646 TEUs.

MENSAL – A movimentação total dos portos de Paranaguá e Antonina no último mês de novembro foi de 4.315.742 toneladas. Nos mesmos 30 dias, em 2021, foram 4.524.797 toneladas.

 

Fonte: Portos do Paraná

}

12.15.2022

Em Destaque

Relacionados

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

maio 23 2024

Agronegócio bate recorde de exportações em abril, com US$ 15,24 bilhões

Com valor recorde, as vendas externas brasileiras de produtos do agronegócio foram de US$ 15,24 bilhões em abril de 2024, um valor 3,9% superior na...
maio 22 2024

MDIC lança manual sobre Regras de Origem para importações

A Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (Secex-MDIC) lançou na terça-feira (14/5) um...
maio 21 2024

Sem impacto do RS, Conab reduz projeção para safra de grãos 2023/24

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) reduziu novamente a estimativa para a produção brasileira total de grãos na safra de 2023/2024, que...
maio 20 2024

Balança comercial brasileira registra superávit de US$ 3,2 bi nas primeiras semanas de maio

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 3,205 bilhões nas duas primeiras semanas de maio, período com sete dias úteis. O valor...
maio 17 2024

Lula quer desdolarização proposta pela China, mas comércio exterior do Brasil é dominado pelo dólar

O governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) está engajado nas tratativas do Brics (bloco formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul)...
maio 16 2024

Governo Federal publica medida que autoriza importação de arroz

Para o enfrentamento das consequências sociais e econômicas decorrentes das enchentes no estado do Rio Grande do Sul, o Governo Federal publicou...
maio 15 2024

Com US$ 7,47 bilhões, Paraná bate recorde de exportações para um 1º quadrimestre

As exportações do Paraná no primeiro quadrimestre de 2024 bateram recorde para o período, somando US$ 7,47 bilhões. Melhor resultado da série...
maio 14 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 9,041 bilhões em abril

Apesar da queda de preços da soja, do ferro e do petróleo, o superávit da balança comercial subiu em abril. No mês passado, o país exportou US$...
maio 13 2024

ANTAQ visita os portos de Paranaguá e Antonina

A Portos do Paraná recebeu a visita da comitiva da Agência Nacional de Transporte Aquaviários (ANTAQ), nesta terça-feira (07). Os diretores, Alber...
maio 10 2024

Brasil foi 2º principal destino de investimento estrangeiro em 2023, diz OCDE

Relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) recém-divulgado revela que o Brasil foi o segundo principal destino de...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes