Marcon Logística Portuária

Brasil tem superávit comercial recorde de US$10,956 bi em março com impulso de embarques de petróleo

A balança comercial brasileira registrou superávit de 10,956 bilhões de dólares em março, maior valor para qualquer mês da série do governo, impulsionada por um salto nas vendas de petróleo, mostraram dados divulgados nesta segunda-feira pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços(MDIC).

Pesquisa da Reuters com economistas apontava expectativa de saldo positivo de 9,05 bilhões de dólares para o período.

As exportações somaram 33,060 bilhões de dólares no mês passado, valor também recorde para todos os meses da série histórica, enquanto as importações atingiram 22,104 bilhões.

O crescimento das exportações foi puxado pela alta da indústria extrativa, de 20,6%, e da agropecuária, de 6,3%. Entre os produtos, o maior destaque foram óleos brutos de petróleo ou de minerais betuminosos crus, com elevação de 53,8%, para 5,595 bilhões de dólares.

A exportação de petróleo pelo Brasil somou 11,31 milhões de toneladas em março, conforme a Secretaria de Comércio Exterior do MDIC. Como havia informado a Reuters, o desempenho ocorreu a despeito do início da cobrança de imposto de importação, de 9,2%, no contexto da compensação à desoneração parcial dos combustíveis, que vai durar quatro meses.

Em fevereiro, os embarques de petróleo despencaram 68%. Na ocasião, o MDIC ressaltou que o registro das exportações de petróleo é tradicionalmente volátil, e previu um março forte.

ACUMULADO

No acumulado do primeiro trimestre, a balança comercial brasileira está com saldo positivo de 16,068 bilhões de reais, uma alta de 29,8% frente ao mesmo período do ano passado, pela média diária.

O ministério também atualizou suas projeções para o ano de 2023. A pasta projeta exportações de 325 bilhões de dólares este ano e importações de 241 bilhões de dólares, levando a saldo positivo de 84 bilhões, acima do superávit de 62 bilhões de dólares de 2022.

A expectativa é de que as importações caiam 11,8% em 2023, mais do que a perda projetada de 2,8% das exportações na comparação com o ano passado.

“Em que pese que as exportações estejam crescendo, esperamos uma queda no ano”, pontuou o subsecretário de Inteligência e Estatísticas de Comércio Exterior, Herlon Alves Brandão. “Na importação, há uma queda já no trimestre e, para o ano, essa queda deve continuar”, acrescentou.

O recuo projetado das importações está ligado à base de comparação. Brandão lembra que, em 2022, as importações tiveram aumento consistente, em meio à volta do consumo após o abrandamento da pandemia de Covid-19. No ano passado, as importações cresceram 24,2%.

 

Fonte: Reuters / Isto É

 

}

04.10.2023

Em Destaque

Relacionados

Balança comercial tem superávit de US$ 8,534 bi em maio

A queda de preços da soja e do minério de ferro fez o superávit da balança comercial cair em maio. No mês passado, o país exportou US$ 8,534 bilhões a mais do que importou, divulgou nesta quinta-feira (6) o Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços...

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

jun 17 2024

Portos do Paraná estreita ligação com dirigentes e investidores espanhóis

Empresa pública participou de intercâmbio no país europeu que contou com jornadas empresariais e visitas a instalações portuárias em Madri, Valência...
jun 14 2024

Balança comercial tem superávit de US$ 8,534 bi em maio

A queda de preços da soja e do minério de ferro fez o superávit da balança comercial cair em maio. No mês passado, o país exportou US$ 8,534 bilhões...
jun 13 2024

Argentina suspende antidumping sobre exportações brasileiras de talheres de aço inoxidável com cabo de madeira ou plástico

O governo do Brasil recebeu com satisfação a decisão do governo da República Argentina de suspender a medida antidumping aplicada às exportações...
jun 12 2024

Volume de soja exportada cai 13,6% em maio, e envios de carne bovina sobem 26%

O Brasil exportou 13,450 milhões de toneladas de soja em grão em maio, 13,69% a menos do que os 15,584 milhões de toneladas de igual período de...
jun 11 2024

Brasil faz acordo com China que pode aumentar exportação de café

O vice-presidente da República e ministro do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Geraldo Alckmin, assinou nesta quarta-feira (5)...
jun 10 2024

Brasil usa presidência do G20 para propor mudanças nas regras do comércio agrícola entre países

Nas discussões do G20, o grupo que reúne as maiores economias do mundo, o Brasil tem proposto ajustes no equilíbrio entre a expansão do comércio...
jun 07 2024

Mapa encerra maio com recorde histórico de aberturas de mercados para o mês

O mês de maio deste ano se encerra como o melhor maio da série histórica em termos de novos acordos comerciais no mercado mundial para produtos do...
jun 06 2024

Exportações do Brasil para os EUA superam os 12 bilhões de dólares no ano

O governo realizou, nesta semana, um seminário para marcar os “200 anos de amizade Brasil-Estados Unidos”. No encontro, a secretária de Comércio...
jun 05 2024

Com evolução de 34%, Paraná deve colher 646 mil toneladas de feijão em 2024

As condições climáticas têm refletido nas produções agrícolas de praticamente todo o País, e no Paraná também reduziram o potencial. Mesmo assim, em...
jun 04 2024

BNDES reduz de novo juros de linha especial para exportações brasileiras

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) promoveu nova redução de juros no BNDES Exim Pré-Embarque, linha de crédito que...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes