Marcon Logística Portuária

Importação cresce 14% nos portos paranaenses em 2024

Os primeiros cinco meses deste ano registraram um aumento de movimentação de cargas para importação nos portos paranaenses. Houve um crescimento de 14% em relação a 2023, passando de 9.074.119 toneladas para 10.335.801 toneladas movimentadas este ano.

“O crescimento na importação mostra que temos estrutura e logística eficientes para operar estas cargas e atender a demanda de mercado” pontuou o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia.

Entre as commodities que mais cresceram no período está o trigo, um dos principais cereais utilizados na alimentação humana e animal. Com aumento de 28% na movimentação, a commodity passou de 134.607 toneladas no ano passado para 171.849 toneladas este ano. O principal responsável por este crescimento foi a baixa qualidade do produto colhido no País na última safra.

“Este ano o Brasil está importando mais trigo, mas está exportando bastante também. O trigo de baixa qualidade, que não se usa aqui, vira ração em outros países.   Um movimento incomum o Brasil exportar trigo, uma vez que não somos autossuficientes na produção do cereal. O que ocorre é que estamos aumentando a produção, mas ainda não conseguimos garantir a qualidade do produto”, reforçou o conselheiro administrativo da Portos do Paraná, Giovani Ferreira.

Outra carga que apresentou aumento de movimentação foi o malte, produzido através da cevada, que é extrema relevância para a indústria cervejeira nacional. A importação do produto passou de 215.906 toneladas no ano passado para 227.357 toneladas movimentadas este ano (5%).

Os contêineres também cresceram em movimentação, passando de 231.269 TEUs (medida para 20 pés de comprimento de contêiner), para 320.054 TEUs (38%). Os eletroeletrônicos, químicos e automotivos foram as cargas responsáveis por este aumento na importação dos contêineres.

“As estratégias logísticas permitem uma maior movimentação de cargas e agilidade na atracação e desatracação dos navios, mantendo a eficiência e aumentando a produtividade”, pontuou o diretor de Operações, Gabriel Vieira.

Fertilizantes

Os fertilizantes apresentaram estabilidade na movimentação do período, sendo 3.924.545 toneladas, em 2023, para 3.903.832 toneladas este ano (-1%). O Paraná segue sendo a principal porta de entrada da commodity no Brasil. Atualmente, a capacidade estática de armazenagem passa de 3,5 milhões de toneladas de fertilizantes.

 

Fonte: Portos do Paraná

}

06.27.2024

Em Destaque

Relacionados

Governo autoriza compra de 1 milhão de toneladas de arroz

O governo federal autorizou, através de medida provisória assinada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva nessa sexta-feira (24), a compra de até um milhão de toneladas de arroz estrangeiro com a finalidade de garantir o abastecimento em todo o país, que pode ser...

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

jul 23 2024

Operações de Sucesso: Marcon Logística Portuária em Destaque

No último final de semana, a Marcon Logística Portuária mostrou mais uma vez sua eficiência e capacidade ao conduzir operações em dois navios RORO...
jul 23 2024

Agronegócio exporta US$ 15,20 bi em junho e US$ 82,39 bi no semestre

As vendas externas brasileiras de produtos do agronegócio foram de US$ 15, 20 bilhões em junho de 2024 , um aumento do valor das exportações...
jul 22 2024

Portos do Paraná registram recorde histórico de movimentação mensal

Os portos paranaenses alcançaram uma nova marca histórica de movimentação. Ao todo, 6.582.670 de toneladas foram movimentadas em junho deste ano,...
jul 19 2024

Abertura do mercado cubano para exportação de quatro produtos do agronegócio brasileiro

O governo brasileiro recebeu com satisfação o anúncio, pelo governo de Cuba, da autorização para que o Brasil exporte os seguintes produtos para...
jul 18 2024

Camex mantém elevação de tarifas de importação de resíduos sólidos

Em 18% desde julho do ano passado, as tarifas de importação para resíduos de papel, plástico e vidro permanecerão nesse nível por mais um ano,...
jul 17 2024

Carteira de exportação do BNDES aprova volume 135% maior de créditos em 2024

O valor das aprovações de crédito para a linha BNDES EXIM Pré-Embarque, que financia as exportações de empresas nacionais, cresceu 135% no primeiro...
jul 16 2024

Exportações do Paraná para Ásia, África e Oriente Médio batem recorde no 1º semestre

O Paraná obteve no 1º semestre de 2024 o seu melhor desempenho nas vendas para os mercados do Oriente Médio, África e Sudeste Asiático , com maior...
jul 15 2024

Mercosul e Emirados Árabes Unidos iniciam negociações de um acordo de livre comércio

Representantes dos países membros do Mercosul e dos Emirados Árabes Unidos se reuniram em Assunção, entre os dias 2 e 4 de julho, e formalizaram  o...
jul 12 2024

Receita Federal aprimora Programa OEA-Integrado para facilitar operações internacionais

A Receita Federal do Brasil (RFB) publicou a Portaria RFB nº 435, de 2 de julho de 2024, que estabelece novas regras para a participação de órgãos e...
jul 11 2024

Brasil e Palestina firmam acordo de livre comércio no âmbito do Mercosul

Em 3 de julho de 2024, o Brasil depositou sua carta de ratificação ao Acordo de Livre Comércio entre o Mercosul e o Estado da Palestina. A carta foi...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes