Marcon Logística Portuária

Atualização do Porto Sem Papel reduz tempo de operações e aumenta eficiência da plataforma

O sistema Porto Sem Papel, criado para facilitar a análise e a liberação de mercadorias nos portos brasileiros, está de cara nova e adaptado ao padrão GOV.BR para melhorar ainda mais a comunicação entre os usuários do setor portuário brasileiro. As mudanças visam diminuir o tempo de navegação dos usuários e proporcionar serviços melhores e mais eficientes.

“Essa tecnologia facilita, agiliza e simplifica a vida de quem atua na área portuária em todo o país, já que todas as informações compartilhadas sobre embarcações ficam disponíveis em uma base única de dados on-line, de forma segura e precisa”, afirma o secretário nacional de Portos e Transportes Aquaviários do Ministério da Infraestrutura (MInfra), Diogo Piloni. Segundo ele,  esse é mais um avanço para trazer o setor portuário ao século 21.

O Porto Sem Papel é uma iniciativa do MInfra que foi qualificada na startup GOV.BR, programa da Secretaria Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia cujo objetivo é acelerar o processo de transformação digital em áreas prioritárias do governo. Desenvolvida pelo Serpro, empresa de tecnologia do governo federal, a solução tecnológica unificou os formulários antes usados nos serviços portuários em uma só plataforma, o Documento Único Virtual (DUV).

Agilidade

Há múltiplas reformulações. A do painel de bordo, por exemplo, permitirá aos agentes de navegação receber e visualizar pendências, além de executar tarefas de forma bem mais simples, objetiva e rápida. Os usuários também poderão definir filtros inteligentes de consultas, reduzindo significativamente o tempo para autorizações de atividades.

O desempenho do sistema Porto Sem Papel também foi aperfeiçoado para melhorar a qualidade das informações, com a eliminação de registros desnecessários, tornando a consulta e o armazenamento de dados mais ágeis. Com a nova configuração, a abertura de documentos eletrônicos será reduzida, o que eliminará eventuais prejuízos no processo de fiscalização e tornará os serviços mais seguros.

“O GOV.BR é a plataforma de relacionamento do governo com o cidadão, que facilita, agiliza e simplifica a vida das pessoas em todo o país. Prova dessa facilidade é a inovação que implementamos agora no Porto Sem Papel”, ressalta o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Caio Mario Paes de Andrade.

Ele explica que o Ministério da Economia colocou à disposição do MInfra a startup GOV.BR, composta por uma equipe multidisciplinar. Trata-se da startup Porto Sem Papel 2.0, cuja missão é acelerar ainda mais a transformação digital dos portos brasileiros. “O GOV.BR combate a burocracia, por meio da transformação digital do Estado, levando à melhoria estrutural da Administração Pública”, acrescenta. Com 4.900 serviços públicos – 75% deles totalmente digitalizados –, o GOV.BR dispõe hoje de 130 milhões de usuários cadastrados.

 

Fonte: Ministério da Economia

}

05.13.2022

Em Destaque

Relacionados

Operações de Sucesso: Marcon Logística Portuária em Destaque

No último final de semana, a Marcon Logística Portuária mostrou mais uma vez sua eficiência e capacidade ao conduzir operações em dois navios RORO (Roll-on/Roll-off), reforçando sua posição de destaque no setor de logística portuária. Navio Polaris Leader NYK Line...

Quer saber mais?

Entre em Contato

Siga a Marcon

Mercado & Novidades

Últimas Notícias

jul 23 2024

Operações de Sucesso: Marcon Logística Portuária em Destaque

No último final de semana, a Marcon Logística Portuária mostrou mais uma vez sua eficiência e capacidade ao conduzir operações em dois navios RORO...
jul 23 2024

Agronegócio exporta US$ 15,20 bi em junho e US$ 82,39 bi no semestre

As vendas externas brasileiras de produtos do agronegócio foram de US$ 15, 20 bilhões em junho de 2024 , um aumento do valor das exportações...
jul 22 2024

Portos do Paraná registram recorde histórico de movimentação mensal

Os portos paranaenses alcançaram uma nova marca histórica de movimentação. Ao todo, 6.582.670 de toneladas foram movimentadas em junho deste ano,...
jul 19 2024

Abertura do mercado cubano para exportação de quatro produtos do agronegócio brasileiro

O governo brasileiro recebeu com satisfação o anúncio, pelo governo de Cuba, da autorização para que o Brasil exporte os seguintes produtos para...
jul 18 2024

Camex mantém elevação de tarifas de importação de resíduos sólidos

Em 18% desde julho do ano passado, as tarifas de importação para resíduos de papel, plástico e vidro permanecerão nesse nível por mais um ano,...
jul 17 2024

Carteira de exportação do BNDES aprova volume 135% maior de créditos em 2024

O valor das aprovações de crédito para a linha BNDES EXIM Pré-Embarque, que financia as exportações de empresas nacionais, cresceu 135% no primeiro...
jul 16 2024

Exportações do Paraná para Ásia, África e Oriente Médio batem recorde no 1º semestre

O Paraná obteve no 1º semestre de 2024 o seu melhor desempenho nas vendas para os mercados do Oriente Médio, África e Sudeste Asiático , com maior...
jul 15 2024

Mercosul e Emirados Árabes Unidos iniciam negociações de um acordo de livre comércio

Representantes dos países membros do Mercosul e dos Emirados Árabes Unidos se reuniram em Assunção, entre os dias 2 e 4 de julho, e formalizaram  o...
jul 12 2024

Receita Federal aprimora Programa OEA-Integrado para facilitar operações internacionais

A Receita Federal do Brasil (RFB) publicou a Portaria RFB nº 435, de 2 de julho de 2024, que estabelece novas regras para a participação de órgãos e...
jul 11 2024

Brasil e Palestina firmam acordo de livre comércio no âmbito do Mercosul

Em 3 de julho de 2024, o Brasil depositou sua carta de ratificação ao Acordo de Livre Comércio entre o Mercosul e o Estado da Palestina. A carta foi...

Quem acredita na Marcon

Nossos Clientes